Como criar um planejamento de SST para sua empresa?

Esta publicação está em: ,

Toda empresa que deseja uma efetiva prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho deve se preparar com um planejamento de Segurança e Saúde no Trabalho (SST).
Assim, é possível reunir e praticar as melhores ações e estratégicas, de acordo com o mercado, cenário e estrutura da organização. Mas o que, de fato, deve conter em um planejamento de SST?

Geralmente, um planejamento de SST completo, funcional e eficaz, deve conter as seguintes etapas:

  • Análise de cenário- Primeiramente, para se planejar aonde quer chegar, deve-se saber onde está. Por isso, antes de iniciar um planejamento, é necessário entender e avaliar o cenário atual da empresa.
    É interessante estar atento às questões externas que afetam direta, ou indiretamente, a empresa. Nesse sentido, cite-se, por exemplo, crises ou crescimento da economia, inflação, novidades legislativas, instabilidade política, novas exigências em termos de padrão de qualidade de produtos, entre outros.
  • Identificação dos perigos – No caso de Segurança e Saúde no Trabalho (SST), é preciso focar nos perigos com potencial para gerar acidentes ou doenças ocupacionais, como por exemplo, trabalho em altura, ruído, calor, doenças infectocontagiosas; piso escorregadio; energia elétrica; gases e vapores, posturas e movimentos inadequados; conflitos entre colaboradores; entre outros.
  • Avaliação de risco – Assim, pode-se dizer que risco é a probabilidade de ocorrência de um acidente ou doença ocupacional devido à exposição a situações perigosas, considerando também as prováveis consequências de tais ocorrências (lesões ou mesmo a morte).
    A avaliação de risco é, em geral, realizada com o uso de planilhas ou sistemas específicos.
  • Requisitos legais e afins – Neste momento, há a necessidade de realizar um levantamento para identificar todos os requisitos legais, em matéria de SST, que a empresa deve cumprir obrigatoriamente, tais como as Normas Regulamentadoras (NRs). Além disso, é recomendado verificar outros aspectos que se julgue importante e necessário para a cultura prevencionista da empresa.
  • Definição de objetivos e metas – Finalmente, após todo esse percurso, chegou o momento de ser definido os objetivos e metas do planejamento, considerando todas as etapas anteriores. Agora, serão definidas e combinadas as ações e investimentos por parte da empresa, principalmente, equipe responsável, tendo como ressalvas importantes:
  • Planos de Ação – O plano de ação é o documento que contém as ações que devem ser executadas para o cumprimento dos objetivos e metas traçadas no planejamento. É a partir do plano de ação que se executa todo o trabalho de prevenção, em busca dos resultados almejados. No plano, estarão as ações que devem ser realizadas para que o planejamento seja efetivamente cumprido.
    Por fim, criar um planejamento de SST exige organização e disciplina para que, efetivamente, se torne uma ferramenta estratégica no gerenciamento eficaz de perigos e riscos da empresa e, o mais importante, na garantia de um desempenho seguro, eficaz e saudável da empresa.
  • A DS Saúde pode orientar você – Se você, assim como a DS Saúde, acredita na importância de promover ambientes de trabalhos mais seguros e saudáveis, esperamos que você compreenda a importância de criar um planejamento de SST para sua empresa.
    Nossa equipe já está devidamente treinada e com sistemas enquadrados para cuidar e zelar pela saúde e bem estar de seus colaboradores.
    📞 – (53) 9 9700-5000
    📍
    – Rua Maj. Cícero de Góes Monteiro 405
    💻- dssaude.com.br
Pular para o conteúdo